Fundação Padre Anchieta

Custeada por dotações orçamentárias legalmente estabelecidas e recursos próprios obtidos junto à iniciativa privada, a Fundação Padre Anchieta mantém uma emissora de televisão de sinal aberto, a TV Cultura; uma emissora de TV a cabo por assinatura, a TV Rá-Tim-Bum; e duas emissoras de rádio: a Cultura AM e a Cultura FM.

CENTRO PAULISTA DE RÁDIO E TV EDUCATIVAS

Rua Cenno Sbrighi, 378 - Caixa Postal 66.028 CEP 05036-900
São Paulo/SP - Tel: (11) 2182.3000

Televisão

Rádio

Grade de Programação

Domingo, 29 de Setembro

NA TRILHA DO AGROTÓXICO I

12
VAMOS PEDALAR IV

VAMOS PEDALAR IV - 09

09 – Vanessa Casarotto e Gastón Painone falam sobre a loja Draisiana. Marcos Ribeiro fala sobre a bicicleta System Six. Júlio Oliveira e Valdir Santos falam sobre a Livre. Edu 7 fala sobre a modalidade Flatland na BMX. Lucas Di Grassi fala sobre a bicicleta elétrica EDG Niobium Superlight.
Conheça o Programa
livre
SAUDE BRASIL

VIOLÊNCIA CONTRA O IDOSO

O mundo está envelhecendo! De acordo com a Organização Mundial de Saúde, o número de pessoas com idade superior a 60 anos chegará a 2 bilhões até 2050. Isso representará um quinto da população mundial! No Brasil já são trinta milhões de idosos e, segundo dados do Ministério da Saúde, já somos considerados a quinta maior população idosa do mundo. Além dos fenômenos inerentes ao processo de envelhecimento, a pessoa idosa também está susceptível ao fenômeno da violência. Trata-se de um problema com consequências devastadoras para os idosos, pois acarreta baixa qualidade de vida, estresse psicológico, falta de segurança, lesões e traumas, bem como o aumento da morbidade e mortalidade!
Conheça o Programa
livre
VIOLA, MINHA VIOLA 2018

ORQUESTRA (VIOLA 2018)

Programa especial do Viola, Minha Viola com a apresentação de Adriana Farias que mostra participações de grandes orquestras na trajetória do programa. Participaram desse programa: Inezita Barroso, Orquestra de Violeiros de Osasco, Coral Santa Cecília e Coral Caboclo de Osasco, Orquestra de Violeiros de Jacareí, Orquestra de Violeiros de Uberlândia Viola do Cerrado, Orquestra de Violeiros de São Paulo, Orquestra de Viola de Atibaia, Orquestra Cabocla de Campinas, Orquestrinha São Xico de Viola Caipira, Orquestra Paulistana de Viola Caipira e Orquestra Fervorosa.
Conheça o Programa
livre
MISSA DE APARECIDA - MISSA DE APARECIDA - BLOCO ÚNICO.
livre
SR. BRASIL

SR. BRASIL 553

Conheça o Programa
livre
AGROCULTURA

AGROCULTURA - 19

VOCÊ VAI VER NO PROGRAMA AGROCULTURA DESTA SEMANA: O SORGO, CEREAL RESISTENTE À SECA E AS ALTAS TEMPERATURAS, GANHA CADA VEZ MAIS ESPAÇO NAS LAVOURAS EM UBERLÂNDIA, MINAS GERAIS. O ESTADO DO PARÁ ABRIGA O MAIOR BANCO GENÉTICO DE CACAU DO MUNDO. SÃO MAIS DE 50 MIL PLANTAS, UMA DAS MAIORES RIQUEZAS AGRÍCOLAS DA AMAZÔNIA.
Conheça o Programa
livre
MUNDO MUSEU  I

08 - MUSEU DE HISTÓRIA NATURAL DE NOVA YORK

NO CORAÇÃO DE MANHATTAN ESTÃO ALGUNS DOS MUSEUS MAIS IMPORTANTES DO MUNDO E ESTE, SEM DÚVIDAS, É UM DELES. O MUSEU DE HISTÓRIA NATURAL DE NOVA YORK TRATA DE MUITOS ASSUNTOS E, POR ISSO MESMO, É UMA GRANDE ATRAÇÃO PARA TODAS AS IDADES, CLASSES SOCIAIS OU NÍVEIS CULTURAIS. TODOS VÃO SAIR DO BELO PRÉDIO, EM FRENTE AO CENTRAL PARK, COM ALGUMAS IMPORTANTES LIÇÕES. OS DINOSSAUROS COSTUMAM AGRADAR AS CRIANÇAS, MAS HÁ TAMBÉM O HALL DA BIODIVERSIDADE, MOSTRANDO OS MUITÍSSIMOS CAMINHOS DA EVOLUÇÃO NO PLANETA TERRA. NO HALL DA VIDA MARINHA, UM EXEMPLAR DO MAIOR SER VIVO, A BALEIA AZUL. NOS ANIMAIS DA AMÉRICA, RECRIAÇÕES DOS CENÁRIOS ONDE VIVEM ALGUNS DOS MAIS FASCINANTES MAMÍFEROS DO CONTINENTE, ANIMAIS COMO OS URSOS, OS PUMAS E OS ALCES. NO HALL DO ESPAÇO, O VISITANTE PODE VER EXEMPLARES DE METEORITOS E UMA ATÉ UMA PEDRA LUNAR, TRAZIDA PELOS ASTRONAUTAS AMERICANOS. UMA FASCINANTE VIAGEM PELA CIÊNCIA, PELA BELEZA E PELA VIDA.
Conheça o Programa
livre
CONCERTOS MATINAIS

CONCERTOS MATINAIS 67

Conheça o Programa
livre
BRASIL TOCA - CHORO

BRASIL TOCA - CHORO - 09 - CHORO CANÇÃO

Com o tema Choro Canção, este programa homenageia os compositores Tom Jobim e Guinga, entre outros.
Conheça o Programa
livre
JAZZ SINFÔNICA BRASIL  2018

JAZZ SINFÔNICA BRASIL - PGM12 - TEMPORADA 2 - CRUZ VERDE

Conheça o Programa
livre
NELLA, UMA PRINCESA CORAJOSA

NELLA, UMA PRINCESA CORAJOSA - 04

Dragões Bully Um dragão está assustando o reino, e Nella partiu para detê-lo - apenas para descobrir que o dragão acabou de tentar fazer amigos. Ameixas realiciosas Quando seres da floresta incomodam a festa do sorvete real, cabe a Nella salvar o dia.
Conheça o Programa
livre
GALINHA PINTADINHA MINI

GALINHA PINTADINHA MINI - APAGA, ACENDE, APAGA - 14

Apaga, Acende, Apaga / Ovo Surpresa (Passarinho) / Chulé Encantado / Pescaria de Cores (Verde) / Hora da Música (Marcha Soldado) Apaga, Acende, Apaga O Pintinho Amarelinho é muito curioso, e ele acabou de descobrir um botão para acender e apagar a luz, mas a Galinha Pintadinha e o Galo Carijó não gostam muito da brincadeira. Chulé Encantado A Borboletinha sai para transformar cogumelos em um ingrediente que faltava para sua magia. Ela e o Borboleto, no entanto, se atrapalham e acabam transformando um ao outro em uma "Galinholeta" e num "Borbosapo". A Madrinha chega para resolver e a Borboletinha já de volta à sua forma, tem que ajudar o Borboleto também.
Conheça o Programa
livre
BUBU E AS CORUJINHAS

O OUTONO!

O outono chegou na floresta de Los Arboles e Bubu, Biel e Bonie estão colhendo figos, groselhas e avelãs. Bubu sugere colher os frutos do outono e fazer uma salada bem docinha. Enquanto eles buscam frutos e os colocam em cima de um tronco, algo curioso acontece: cada vez que as corujinhas retornam, parte dos frutos some! Com esse sumiço se repetindo, as corujinhas decidem investigar o que está acontecendo.. Após a busca, Bubu sente um olhar a observando e, ao se virar, pega um texugo no flagra levando os últimos figos. É aí que um grupo de texugos se aproxima e explica que eles estão comendo muito pois precisam dobrar de tamanho até o inverno, já que durante a hibernação perdem metade do seu peso. Eles também explicam que precisam levar frutos, sementes e raízes para a toca, já que quando acordam, na primavera, não há tanto alimento para eles na floresta. Bubu, então, sugere aos irmãos ajudarem os novos amigos a encontrarem alimentos. Após encher a toca dos texugos com comida, as corujinhas escutam o assobio do Papai. Bubu, Biel e Bonie contam sobre a descoberta do outono para o Papai e a Mamãe Coruja, que explicam que o outono é uma estação de preparação dos animais e vegetais para a estação que vem depois, o inverno. Bubu conta que chamou os texuguinhos de gulosos, mas aprendeu que seu julgamento estava errado e que nunca deve julgar o outro sem saber o que ele está vivendo. Mamãe encerra a noite cantando a canção “Outono e Inverno”.
Conheça o Programa
livre
COCORICÓ III

COCORICÓ III - 104 - MACACO COMENDO AMENDOIM

O pessoal do Paiol apresenta um conto acumulativo.
Conheça o Programa
livre
PEPPA PIG IV

PEPPA PIG IV - 30 O FAROL DO AVÔ COELHO, O DIA DE FOLGA DA DONA COELHA E O CLUB SECRETO.

EP 10 - Vovô Pig leva Peppa, George e Danny Dog para visitar o farol de Grampy Rabbit. EP 11 - A Srta. Rabbit machucou o tornozelo, então sua irmã Mummy Rabbit e os outros adultos se ofereceram para substitui-la. EP 14 - Peppa e suas amigas criam um Clube Secreto. Infelizmente todo mundo logo quer participar!
Conheça o Programa
livre
VIVI VIRAVENTO

VIVI VIRAVENTO - 24

Em uma aventura submarina no Mar Vermelho, Vivi Mochilão e Lanterninha conhecem Roxo e Amarelo, dois cavalos-marinhos que disputam a propriedade de um castelo de areia. Como não conseguem se entender, os amigos contam com Vivi e sua turma para saber a quem o castelo realmente pertence.
Conheça o Programa
livre
BOBOLÂNDIA MONSTROLÂNDIA

RATOS, TAÇAS E UMA VARINHA FUMEGANTE

Otto acha que transformou o diretor de sua escola em um rato e precisa agora de um feitiço para desfazer. Na verdade o rato é Dudu, o bichinho de estimação do diretor que foge de Otto o tempo todo.
Conheça o Programa
livre
PLANETORAMA

CIRCO

Neste episódio nossos bravos viajantes decidem dar uma pausa e curtir uma atração única: o Circo Intergalático. Muito famoso por suas diversas atrações de planetas muito variados, esse circo é algo imperdível e eles sabem disso. Só não sabiam que teriam que fugir dele para não virarem atração permanente sob a lona radiante, sem comida, bebida ou qualquer outro conforto.
Conheça o Programa
livre
BORIS E RUFUS

HOLLYWOOD PORTÁTIL

UM VÍDEO DA DUPLA FAZ O MAIOR SUCESSO NA INTERPETNET. DESCONTENTE COM A PERDA DE AUDIÊNCIA, LEOPOLDO APELA PARA UMA MÁQUINA QUE TRANSFORMARÁ SEUS VÍDEOS EM PERIGOSAS SUPER-PRODUÇÕES.
Conheça o Programa
livre
CASAKADABRA

06 - ROUBO DO CAJADO

DANTE E CLARICE DISCUTEM SOBRE O QUE É MAIS IMPORTANTE: MAGIA OU TECNOLOGIA? DENTRO DA CASA, LINO ENCONTRA O CAJADO DE DON BIGODON, O QUAL É CAPAZ DE CONGELAR QUALQUER COISA. ELE, ENTÃO, DECIDE BRINCAR COM ZILU.
Conheça o Programa
livre
TURMA DA MÔNICA

MÔNICA, A FAMOSA

Para não apanhar da Mônica (de novo!), o Cascão resolve ajudá-la a conquistar o Fabinho. A ideia é convencê-lo a ir até sua casa assistir ao programa da mais famosa atriz da TV — a Mônica! Só que a sirigaita da Carminha Frufru também vai e essa história tão romântica, não sei não... pode virar a maior confusão!
Conheça o Programa
livre
TURMA DA MÔNICA

MÔNICA? QUE MÔNICA?

Desta vez o Cebolinha foi longe demais com mais um dos seus planos infalíveis. Literalmente. Ele usa a maquina do tempo do Franjinha para voltar 50 anos no tempo e impedir que o pai e a mãe da Mônica se conheçam, fazendo assim com que a dentuça nem chegue a existir. Só que o tiro sai pela culatra porque o pai da Mônica acaba se casando com a Dona Carmem da esquina e o que sai desse casamento é bem pior do que a Mônica. Só resta ao Cebola pedir a ajuda do Cascão para voltar outra vez no tempo e desfazer o grande erro.
Conheça o Programa
livre
TURMA DA MÔNICA

MUITA CONFUSÃO PRA UM SÓ MONICÃO!

Mônica tenta ajudar a mãe com as tarefas de casa, mas o Monicão bagunça tudo.
Conheça o Programa
livre
TURMA DA MÔNICA

MUITO SILÊNCIO, POR FAVOR!/ UM SHOW DE PERSEGUIÇÃO

Muito silêncio, por favor!:Para que um artista possa criar uma obra prima, ele necessita de um lugar quieto e de muita inspiração. Era só isso que a Marina estava procurando. Mau sabia ela que com a turminha por perto, sossego é a última coisa que ela vai encontrar. Um show de perseguição: Não perca o Cebolinha dando um show e usando todas as suas habilidades para escapar da fúria da Mônica, que não vai sossegar enquanto não por as suas mãos nele.
Conheça o Programa
livre
REPORTER ECO

REPÓRTER ECO 1301

NO REPÓRTER ECO DE HOJE, CONHEÇA MULHERES QUE APRENDERAM A TIRAR O SUSTENTO PARA SUAS FAMÍLIAS DO FUNDO DO MAR. VOCÊ ACOMPANHA TAMBÉM A CAMPANHA CONTRA GRILAGEM DE TERRAS PUBLICAS E OS DESMATAMENTOS NA AMAZÔNIA. E AINDA, CIENTISTAS CRIAM UMA TÉCNICA PARA LIMPAR A ÁGUA POLUÍDA COM RESÍDUOS DE MEDICAMENTOS. O PROCESSO DE DESCONTAMINAÇÃO É SIMPLES E UTILIZA APENAS FERRO, ÁGUA OXIGENADA E LUZ DE LED. PESQUISADORES, EMPRESÁRIOS E AMBIENTALISTAS FORMAM A COALIZÃO BRASIL CLIMA, FLORESTAS E AGRICULTURA PARA DEFENDER A MAIOR FLORESTA TROPICAL DO MUNDO. S DE 60 ANOS DE UMA ILHA DA CORÉIA DO SUL COLETAM E SOBREVIVEM DA BIODIVERSIDADE MARINHA.
Conheça o Programa
n
A GRANDE NATUREZA AZUL

COZUMEL

A Barreira de Corais de Belize faz parte do Recife mesoamericano, que se estende por aproximadamente 1.100 km desde a península de Yucatan, no México, até Honduras e Guatemala. A Barreira de Corais de Belize está localizada na costa atlântica da América Central. É o maior recife de barreira no hemisfério norte, perdendo apenas para a Grande Barreira de Corais da Austrália. É o lar de mais de 500 espécies de peixes e mais de 100 tipos de corais.
Conheça o Programa
livre
MATÉRIA DE CAPA

MATÉRIA DE CAPA 334 - TEMPERATURA MÁXIMA

DO ÁRTICO À SUIÇA E BOA PARTE DA EUROPA. DO CANADÁ AO URUGUAI. DA ÁSIA AO ORIENTE MÉDIO. DE UM EXTREMO AO OUTRO, O PLANETA VEM PASSANDO POR UMA ONDA DE AQUECIMENTO QUE VAI MUITO ALÉM DO PREVISTO. EM AMPLAS REGIÕES DO GLOBO, JÁ FOI ULTRAPASSADO O LIMITE DE 1 GRAU E MEIO, NA TEMPERATURA MÉDIA GLOBAL, ESTABELECIDO PELO ACORDO DE PARIS. NO ÁRTICO, A PERDA DA CAMADA DE GELO VEM PROVOCANDO UMA CORRIDA PELOS RECURSOS NATURAIS EXISTENTES NA ÁREA. SÃO TRILHÕES DE DÓLARES EM PETRÓLEO, GÁS, OURO, DIAMANTES E OUTROS MINERAIS. ENQUANTO SE DISCUTE MANEIRAS DE EVITAR A DESTRUIÇÃO DO MEIO AMBIENTE, OBSERVA-SE, AO MESMO TEMPO, O AVANÇO SOBRE UMA DAS ÚLTIMAS REGIÕES PRESERVADAS DO GLOBO. AS CONSEQUÊNCIAS SÃO IMPREVISÍVEIS. NESTA EDIÇÃO DO MATÉRIA DE CAPA.
Conheça o Programa
livre
#PROVOCAÇÕES

#PROVOCAÇÕES - 20 - JOSÉ HAMILTON RIBEIRO

O PROVOCA DA SEMANA É JOSÉ HAMILTON RIBEIRO Em nova fase, o programa #Provocações, agora comandado por Marcelo Tas, recebe o consagrado jornalista José Hamilton Ribeiro, que é o principal repórter do Globo Rural. Na entrevista, ele fala sobre temas como a Serra Pelada, o papel do jornalismo, desigualdade social e política. “A política é a coisa mais importante para um homem em sociedade. (...) A democracia, com os defeitos que ela tem, é sempre melhor do que uma ditadura”, afirmou ele no programa.
Conheça o Programa
10
METROPOLIS

METRÓPOLIS 2019 - DOMINGO 385 - 29/09/2019

NO METRÓPOLIS TEM A CINEBIOGRAFIA DE HEBE CAMARGO. A GENTE ENTREVISTA ANDREA BELTRÃO, QUE FAZ ESSA PROTAGONISTA QUE É UMA GRACINHA. MAIS CINEMA BRASILEIRO: UMA TRAJETÓRIA DE DOR E DESCOBERTAS CONQUISTAS DE UMA MENINO PERIFÉRICO, EM "SOCRATES" QUER EXPOSIÇÃO? TEM A MOSTRA PARA QUEM AMA SELFIE E QUER FICAR BEM NA FOTO E AS OBRAS DO ARTISTA AMERICANO QUE INVENTOU A FOTOGRAFIA SURREALISTA: MAN RAY.
Conheça o Programa
livre
CAMAROTE 21

CAMAROTE 21 - 155

Conheça algumas tradições europeias, entre elas, o encontro de tocadores de trompa alpina, instrumeno símbolo da Suíça. Veja também: - Astronauta vira DJ por um dia no espaço: festa de música eletrônica realizada em um cruzeiro no Mar Mediterrâneo contou com a discotecagem do astronauta italiano Luca Parmitano – que comandou a festa do espaço em tempo real. - Supernova em catedral gótica no sul da França: artista digital cria instalação de luzes que simula a explosão das estrelas. - RADAR: empresa de design russa é sucesso internacional com instalações de luz imersivas e vídeo mapping 3D. - Conhecido por ter o maior número de arquitetos por metro quadrado no mundo, o bairro londrino Clerkenwell reúne profissionais de diversas áreas criativas e tem atraído cada vez mais a atenção de turistas. - Censo dos cisnes britânicos é questão ambiental: desde o século 12, cisnes que habitam as águas do Reino Unido - e pertencem à Rainha - passam por uma contagem.
Conheça o Programa
livre
CAFÉ FILOSÓFICO 2019

MARKETING EXISTENCIAL

marketing existencial com: Luiz Felipe Pondé – filósofo O marketing identifica “necessidades e desejos não realizados”. E, no nosso mundo contemporâneo, ele descobriu um outro “filão”: a falta de sentidos para a vida. Os nossos objetos de consumo ganham cada vez mais significados que vão além da sua utilidade, do seu valor financeiro. Não só o nosso status, o nosso consumo precisa satisfazer também a nossa alma. A nossa sociedade parece ávida por consumir significados. Vivemos a era do marketing existencial? Nas palavras do filósofo Pondé: "num mundo entediado pela longevidade, riqueza e realização de todos os desejos, o significado dissolve como num ácido. O futuro é uma sociedade de consumo de significados para consumidores sem nenhum significado."
Conheça o Programa
14
PROGRAMA OPINIÃO NACIONAL

PROGRAMA OPINIÃO NACIONAL - CORRUPÇÃO EMPRESA

NOSSO ASSUNTO É CORRUPÇÃO. VAMOS FALAR SOBRE OS RUMOS DA OPERAÇÃO LAVA JATO E ENTENDER SE É POSSÍVEL SEGUIR COM AS INVESTIGAÇÕES, PUNIR OS RESPONSÁVEIS SEM LEVAR A ECONOMIA DO PAÍS AO COLAPSO.
Conheça o Programa
10
RETRATOS DE FÉ

RETRATOS DE FÉ - 22 - TRADIÇÕES INDÍGENAS - GUARANÍS - TEMP I

Na pequena aldeia indígena Jaraguá, em São Paulo, cerca de cem famílias lutam para manter as tradições Guaranis. Todos as noites, elas se reúnem para cultuar Nhanderú, o Deus Guarani. O pajé Tupã explica os principais rituais dos Guaranis, enquanto Karai Ryapua reflete sobre a missão do povo Guarani.
Conheça o Programa
livre
SALA DE CINEMA

CORPO ELÉTRICO

Elias (Kelner Macêdo) é assistente numa confecção de roupas no centro de São Paulo. Ele mantém pouco contato com a família na Paraíba e passa seus dias entre os tecidos do trabalho e encontros com homens. O fim do ano traz reflexões sobre possibilidades de futuro, reconexões com o passado e muitas horas extras, que acabam por aproximá-lo dos colegas da fábrica e consequentemente inseri-lo em novos círculos de amizade e cenários.
Conheça o Programa
16
FIGURAS DA DANÇA 2011

CÉLIA GOUVÊA

A bailarina Célia Gouvêa nasceu em Campinas e é um dos grandes nomes da dança paulista. Dividiu sua carreira entre o Brasil e a Europa e integrou a primeira turma do Mudra - Centro Europeu de Aperfeiçoamento e de Pesquisa dos Intérpretes do Espetáculo, dirigido por Maurice Bejárt (1927-2007). Ao lado de outros criadores fundou, na Bélgica, o Grupo Chandra - Teatro de Pesquisa de Bruxelas, com direção de Micha Van Hoecke. No Brasil coreografou para o Teatro de Dança de São Paulo, Teatro Galpão, Corpo de Baile Municipal (atual Balé da Cidade de São Paulo), Célia Gouvêa Grupo de Dança, Teatro Guaíra, e outras. No exterior, coreografou para nomes como: All Angels Theatre Troupe, de Nova York; Escola Superior de Dança de Lisboa e Companhia de Dança de Lisboa, Portugal; Lyon 5ême e Francheville, na França. É membro fundadora da Cooperativa Paulista dos Bailarinos Coreógrafos de São Paulo.
Conheça o Programa
livre
PERSONA EM FOCO

MAZZAROPPI - IN MEMORIAM

Conheça o Programa
14
TRAJETÓRIAS

RONNIE VON

Cantor, compositor, piloto de avião, botânico e publicitário. Seus primeiros sucessos em disco foram “A praça” (Carlos Imperial) e “Meu bem”, versão em português do próprio Ronnie para a música “Girl” dos Beatles. Também gravou os LPs “A Misteriosa Luta do Reino de Parassempre contra o império de Nuncamais” e “Máquina Voadora” que, desacreditados pela gravadora, fizeram pouco sucesso à época e hoje são disputados por colecionadores. Como ator, o destaque fica com a novela “Cinderela 77”, da TV Tupi. No cinema, atuou nos filmes “Janaína - A Virgem Proibida” (1972), “O Descarte” (1973) e “A Filha dos Trapalhões” (1984). Atualmente, apresenta o programa “Todo Seu” na TV Gazeta. O Trajetórias de hoje homenageia Ronnie Von Entrevistadores: Luiz Cesar Pimentel, Flávia Yuri, Vilmar Bittencourt, Luis Antonio Giron e Julio Medaglia
livre
SERTÃO DE DENTRO

08 - DOIS QUILOMBOS

NESTE EPISÓDIO GERALDO VISITA DOIS QUILOMBOS PARA ENTREVISTAR DOIS PERSONAGENS QUE FAZEM A DIFERENÇA EM SUAS COMUNIDADES.
livre
DOC TV II

MESTRE LEOPOLDINA, A FINA FLOR DA MALANDRAGEM (RJ)

O Documentário MESTRE LEOPOLDINA – a fina flor da malandragem será narrado através da lendária figura viva de Mestre Leopoldina, sua vida, suas histórias e sua importância para o universo da Capoeira. Seu arquivo pessoal de fotos, jornais e vídeos que ilustram momentos de sua trajetória profissional como exímio capoeirista, músico, compositor , cantor de músicas de capoeira , showman, participando ainda de espetáculos de teatro, documentários para tv e de escolas de samba no Brasil no mundo. Mestre Leo narra sua história na primeira pessoa, de modo a trazer para o espectador a emoção e a reflexão de sua filosofia de vida. Através de seu relato, o documentário nos revela que a Capoeira, prática pertinente à identidade cultural dos afro-descendentes e brasileiros em geral, tem uma filosofia própria e vem ganhando um significado e uma importância que ainda não foram devidamente valorizados, apesar de sua crescente popularidade, especialmente entre os jovens – calcula-se 500 mil praticantes de capoeira espalhados hoje por todo o Brasil e mais 50 mil pelo mundo, principalmente Europa e EUA.
Conheça o Programa
livre
LETRA LIVRE

LETRA LIVRE 31

Convidados: Renato Janine e Jorge Caldeira: • Renato Janine Ribeiro: Você é professor de ética e frequentemente – como a gente viu na apresentação – escreve sobre o lado teatral da representação na política. A moral (ou a falta dela) e a aparência substituíram a ideia de uma transformação mais profunda das relações sociais? • Jorge Caldeira: O retorno às personagens históricas – como vc faz com Mauá e José Bonifácio – e o boom das biografias indica a volta de uma forma personalista de ver história? Ou é uma forma de recuperar histórias não contadas pela historiografia mais voltada para os grandes processos? • Renato Janine Ribeiro: Cornelius Castoriadis, em As Encruzilhadas do Labirinto, fala que a preocupação contemporânea com a ética (com questões como pena de morte, bioética etc.) corresponde à rejeição da “grande política” e a um “fechamento na esfera privada que caracteriza a época e a ideologia individualista”. Você poderia comentar essa crítica? • Renato Janine Ribeiro: Trazendo a conversa para a literatura, você escreveu bastante sobre Stendhal – escritor que contrapõe a energia individual (como o mito de Napoleão) ao materialismo e à hipocrisia burguesa. Hoje a gente não assiste a um retorno dessa forma de ver e fazer política como afirmação da vontade? É isso que faz Lula sobreviver ao PT? • Renato Janine Ribeiro: Como a literatura é fonte para o filósofo e para o historiador? • Jorge Caldeira: Voltando à pergunta do Jurandir, ao escolher uma personalidade secundária como o padre Guilherme Pompeu de Almeida – protagonista de O Banqueiro do Sertão – você pensou nele mais como personagem ou como representante de um processo? • Renato Janine Ribeiro: Existe uma ética na forma de escrever a história, de escolher os temas, os enfoques? (Lembrar da Meta-história de Hayden White.) Quando você escreve sobre a etiqueta, por exemplo, isso tem uma implicação ética? • Renato Janine Ribeiro: A palavra “intelectual” provoca hoje antipatia, quase aversão. Qual o lugar do intelectual na sociedade? • Jorge Caldeira: Você fez um percurso inverso ao do Renato: saiu do jornalismo para os estudos de maior fôlego. O jornalismo perdeu poder de intervenção pública? • Renato Janine Ribeiro: A diferença entre o acadêmico e o intelectual ficou explícita quando vc escreveu na Folha sobre o caso do menino João Helio, em que expôs os impasses éticos em relação à pena de morte. Você poderia comentar o episódio? • Renato Janine Ribeiro: Fala-se hoje de uma nova direita, de um pensamento supostamente menos dogmático (ideológico) e mais pragmático, racionalista. As diferenças entre esquerda e direita se deslocaram para a discussão entre idealismo e realismo? • Jorge Caldeira: Você escreveu sobre personagens históricos que são “empreendedores”, como Mauá e o padre Guilherme Pompeu de Almeida. Isso não vai na direção de um pensamento mais voltado para a ação prática do que para formação de um projeto político? E no caso do José Bonifácio? (Pedir para explicar o portal) • Renato Janine Ribeiro: Na contramão dessa valorização do privado, você tem refletido muito sobre a função da universidade e da pesquisa na vida pública. Como essa discussão se enquadra no governo neoliberal de um presidente de esquerda?
Conheça o Programa
livre