Fundação Padre Anchieta

Custeada por dotações orçamentárias legalmente estabelecidas e recursos próprios obtidos junto à iniciativa privada, a Fundação Padre Anchieta mantém uma emissora de televisão de sinal aberto, a TV Cultura; uma emissora de TV a cabo por assinatura, a TV Rá-Tim-Bum; e duas emissoras de rádio: a Cultura AM e a Cultura FM.

CENTRO PAULISTA DE RÁDIO E TV EDUCATIVAS

Rua Cenno Sbrighi, 378 - Caixa Postal 66.028 CEP 05036-900
São Paulo/SP - Tel: (11) 2182.3000

Televisão

Rádio

Acontece

Lyara Vidal
Lyara Vidal Marcelo Tas e Ciro Gomes

“Ninguém pode banhar-se duas vezes no mesmo rio”, disse Heráclito. Afinal, quando nele se entra novamente, as águas já não são mais as mesmas. A fim de proporcionar um novo e diferente mergulho em um rio já conhecido, a TV Cultura estreia, na terça-feira (14/5), o programa #PROVOCAÇÕES. Em uma reformulação da atração, Marcelo Tas revisita o formato de entrevistas que estreou em 2000 e se consagrou nas mãos do eterno Antônio Abujamra, firmando um compromisso com a dúvida e, é claro, com a provocação. Agora com os pés no mundo atual e vestido com toda a tecnologia e interatividade inerente a ele, o programa conta com quadros inéditos e com forte participação do público por meio das redes sociais. Vai ao ar às 22h30, na emissora, no YouTube e no aplicativo Cultura Digital.

Firmado em três pilares básicos: entrevistas, filosofia e interação, o #PROVOCAÇÕES tem como principal objetivo desafiar os convidados a responderem perguntas que não são feitas por outros veículos de mídia. De Lady Macbeth a Lady Gaga, o programa promete romper o véu entre a alta cultura e a cultura pop – levando em conta, para a construção sua narrativa, nomes diversos e inusitados. Tudo isso sob comando de Marcelo Tas, que – por seu brilhantismo profissional, perspicácia e presença constante na TV Cultura – inspira a responsabilidade necessária para ocupar um posto de tão grande envergadura, uma vez ocupado por Abu.

Sobre a decisão de aceitar o desafio, Tas afirma: “topei a tarefa de seguir com #PROVOCAÇÕES porque, no mundo das informações 24 horas, de respostas imediatas para tudo, idolatrar a dúvida é preciso. Admirador dos mestres Antônio Abujamra e Gregório Basic, criadores de Provocações, lanço-me na missão quixotesca de cutucar o dragão da realidade embrutecida com a arma mais poderosa já inventada: o ponto de interrogação”. Na atração, ele recebe diversas figuras brasileiras, polêmicas ou não, mas que têm muito a dizer. Entre os primeiros convidados estão Ciro Gomes, Fernando Haddad, Maísa, Kondzilla, Janaína Paschoal, Danilo Gentili e Maitê Proença.

Em um novo cenário, a atração traz quadros inéditos, como Nada a Ver, em que o convidado pontua o que não faz sentido para ele; Hora da Selfie, no qual ele realiza uma autoanálise; e Linha do Tempo, que explora falas ditas no passado pela pessoa entrevistada. O histórico do apresentador na TV Cultura também é celebrado com o quadro Olá, Classe, bordão do Professor Tibúrcio, de Rá Tim Bum, em que perguntas enviadas por crianças têm de ser respondidas pelo entrevistado. E, em relação à interatividade, a produção incorpora diferentes formas de incluir a audiência no desenvolvimento do programa, como vídeos por WhatsApp, entrevistas na rua e frases que chegam por hashtags nas redes sociais.

De acordo com Tas, “não há novidades em #PROVOCAÇÕES, exceto duas inevitáveis: o apresentador e a participação do espectador com a hashtag #Provoca. Viver na era das redes sociais aceleradas e contaminadas por algoritmos não é opcional. Por isso, decidimos trazer o tsunami das conversas virtuais para o programa. Sem perder o rigor da filosofia e o prazer pela vida. Afinal, aprendi com o velho Abu: o que é a vida? A vida é minha, estrago-a como quiser.”

#PROVOCAÇÕES volta porque é hora de provocar.