Fundação Padre Anchieta

Custeada por dotações orçamentárias legalmente estabelecidas e recursos próprios obtidos junto à iniciativa privada, a Fundação Padre Anchieta mantém uma emissora de televisão de sinal aberto, a TV Cultura; uma emissora de TV a cabo por assinatura, a TV Rá-Tim-Bum; e duas emissoras de rádio: a Cultura AM e a Cultura FM.

CENTRO PAULISTA DE RÁDIO E TV EDUCATIVAS

Rua Cenno Sbrighi, 378 - Caixa Postal 66.028 CEP 05036-900
São Paulo/SP - Tel: (11) 2182.3000

Televisão

Rádio

Acontece

Divulgação
Divulgação Luz, Anima, Ação

Nem todos sabem, mas a animação chegou ao Brasil em 1917. Para comemorar os 100 anos da técnica no País, a TV Cultura leva ao ar nesta sexta-feira (14/7), às 22h30, o documentário inédito Luz, Anima, Ação, dirigido por Eduardo Calvet. Além da produção, a emissora passa a exibir curiosidades e animações antigas durante sua programação.

Embora a animação brasileira tenha se destacado mais entre os anos 80 e 2000, ela foi uma das pioneiras no mundo. Depois da criação de charges em jornais e revistas, foi a vez das televisões nacionais exibirem a animação com a estreia do curta Kaiser, de Álvaro Marins, em 22 de janeiro de 1917.

Luz, Anima, Ação pretende traçar todas as fases e tendências da técnica de produção, desde sua chegada ao Brasil até a atualidade. O filme também mostra como a publicidade foi um grande motor para a animação nacional durante os períodos difíceis de ditadura militar. Com isso, Calvet coloca em evidência não somente os anos de ouro, mas também as dificuldades que a indústria de animação brasileira enfrentou e enfrenta até hoje.

A exibição do documentário acontece dois dias antes do início do Festival Internacional de Animação do Brasil, o Anima Mundi. O Festival é realizado há 25 anos no Rio de Janeiro e em São Paulo e já exibiu mais de 9 mil filmes de 70 países diferentes para um público de mais de um milhão de pessoas.