Fundação Padre Anchieta

Custeada por dotações orçamentárias legalmente estabelecidas e recursos próprios obtidos junto à iniciativa privada, a Fundação Padre Anchieta mantém uma emissora de televisão de sinal aberto, a TV Cultura; uma emissora de TV a cabo por assinatura, a TV Rá-Tim-Bum; e duas emissoras de rádio: a Cultura AM e a Cultura FM.

CENTRO PAULISTA DE RÁDIO E TV EDUCATIVAS

Rua Cenno Sbrighi, 378 - Caixa Postal 66.028 CEP 05036-900
São Paulo/SP - Tel: (11) 2182.3000

Televisão

Rádio

Grade de Programação

Domingo, 11 de Fevereiro

ABERTURA DA EMISSORA

#CONFIRMA

#CONFIRMA - 74 - RETROSPECTIVA 2017 - Nº 06

O tema do #Confirma da semana é muito importante para todos nós: educação. Preparamos uma edição especial para falar sobre o papel da escola, da família e do Estado quando o assunto é educar. Convidamos especialistas na área para explicar para gente como podemos educar os pequeninos politicamente. Fomos às ruas do Distrito Federal saber se os eleitores estão antenados na tarefa diária de aprender e educar. Vamos mostrar para você que a Justiça Eleitoral está ligadíssima neste tema e que tem uma Escola Judiciária Eleitoral em todos os Tribunais Regionais, e no próprio TSE, que promove ações efetivas em escolas públicas e privadas. Elas são focadas na conscientização dos futuros eleitores, além de cuidar do conteúdo para capacitação de juízes eleitorais através de uma plataforma de educação à distância. Conheça projetos importantes do TSE como o Eleitor do Futuro e os museus que preservam e contam a história da Justiça Eleitoral. Tem também as campanhas que o Tribunal desenvolve para a TV, rádio e internet com o objetivo de conscientizar o eleitor sobre a importância de ir às urnas. E também para combater as falsas notícias acerca do processo eleitoral que muitas vezes rolam por aí. Venha conferir o #Confirma e aprender que educação e informação são tudo! Não perca mais uma edição do programa da Justiça Eleitoral com a linguagem das redes sociais!
Conheça o Programa
livre
VIA LEGAL

VIA LEGAL 776

Pagar faculdade no Brasil é para poucos. As mensalidades altas fazem os estudantes procurarem as universidades públicas, e quem não consegue uma vaga, tem a chance de financiar os estudos pelo Fies. O que muita gente não sabe é que o aluno com notas baixas pode ser excluído desse programa do Governo Federal. O contrato pode ser rompido se o aproveitamento do aluno for inferior a 75% por mais de dois semestres. No interior de São Paulo, um estudante que teve um desempenho ruim por três semestres tentou reverter a situação na Justiça, mas não conseguiu. A reportagem é de Letícia Lagoa. Mais de R$ 2 trilhões. Foi esse o montante pago pelo brasileiro em impostos e taxas durante o ano de 2017. O levantamento é do Impostômetro da Associação Comercial de São Paulo. Impostos que pesam ainda mais para quem chega ao Brasil procurando abrigo. No Sul do país, uma família pobre, que veio do Haiti, teria que pagar mais de R$ 2 mil para regularizar a documentação dos filhos. Mas a Justiça entendeu que essa cobrança viola o princípio da dignidade humana e isentou o pagamento. Veja na reportagem de Marcelo Magalhães. A difícil tarefa de conciliar os avanços da modernidade com a preservação de locais históricos. Há anos, Recife se divide entre os favoráveis e os contrários ao leilão de um terreno no centro da cidade, que pertenceu à Rede Ferroviária Federal. O repórter Alessandro Vieira mostra que um consórcio quer construir um conjunto de prédios e modernizar a área, hoje degradada. O caso foi parar na Justiça Federal, que liberou o leilão porque a área não é considerada histórica pelo Iphan. Ainda falando sobre leilão, essa modalidade de negócios atrai muitos interessados e curiosos. O motivo é simples: o preço, sempre abaixo do de mercado. Só que é preciso ficar atento às regras para comprar e vender em leilão, e não transformar o lucro em prejuízo. A repórter Roberta Nunes conta história de um homem que arrematou um carro modelo Mustang e só depois de uma decisão judicial conseguiu tirar o veículo da garagem. O Via Legal é produzido pelo Conselho da Justiça Federal em parceria com os Tribunais Regionais Federais. O programa é exibido nas TVs Cultura, Justiça, Brasil, além de outras 19 emissoras regionais. Confira os horários de exibição e assista também pela internet: www.youtube.com/programavialegal e www.youtube.com/cjf.
Conheça o Programa
livre
VIVER NATURAL

VIVER NATURAL 21 - KRIYA YOGA - PARTE 1

NO VIVER NATURAL NOSSO ASSUNTO É A KRIYA YOGA. VOCÊ SABE O QUE É KRIYA YOGA? A KRIYA YOGA É UM CONJUNTO DE MEDITAÇÕES MUITO AVANÇADAS, QUE, DE ACORDO COM OS SEUS PRATICANTES, AJUDAM A ACELERAR O DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL E A OBTER ILUMINAÇÃO. ILUMINAÇÃO É UM ESTADO DE PROFUNDA PAZ INTERIOR, ALEGRIA E FELICIDADE. CONHECIDA TAMBÉM COMO A CIÊNCIA ESPIRITUAL PARA AUTO-REALIZAÇÃO, A KRIYA YOGA FOI DIFUNDIDA NO OCIDENTE POR PARAMAHANSA YOGANANDA. NASCIDO EM 5 DE JANEIRO DE 1893, COMO MUKUNDA LAL GHOSH, EM UTTAR PRADESH, NA ÍNDIA, AINDA JOVEM, PARAMAHANSA YOGANANDA VIVEU EXPERIÊNCIAS ESPIRITUAIS EXTRAORDINÁRIAS. DURANTE SUA JUVENTUDE, ELE PROCUROU VÁRIOS SÁBIOS E SANTOS HINDUS ESPERANDO ENCONTRAR UM MESTRE PARA SUA BUSCA ESPIRITUAL. SUA HISTÓRIA FICOU IMORTALIZADA EM SEU LIVRO A AUTOBIOGRAFIA DE UM YOGI. COM 17 ANOS DE IDADE, YOGANANDA ENCONTROU SEU GURU, O SWAMI SRI YUKSTESWAR GIRI, COM QUEM CONVIVEU DURANTE VÁRIOS ANOS DE SUA JUVENTUDE. A LINHAGEM DO GURU DE YOGANANDA FOI RESPONSÁVEL POR PROVÊ-LO COM UMA DISCIPLINA CENTRAL DE SEUS ENSINAMENTOS, A KRIYA YOGA. SRI YUKTESWAR FOI DISCÍPULO DE LAHIRI MAHASAYA, QUE POR SUA VEZ FOI DISCÍPULO DO MÍTICO GURU MAHAVATAR BABAJI, QUE REVIVEU A KRIYA YOGA E ATRAVÉS DE SEUS DISCÍPULOS, INCLUINDO YOGANANDA, COMEÇOU A DIFUNDÍ-LA. EM 1920, YOGANANDA FOI AOS ESTADOS UNIDOS COMO DELEGADO DA ÍNDIA PARA O CONGRESSO INTERNACIONAL DE RELIGIOSOS LIBERAIS, REALIZADO EM BOSTON. NESSE MESMO ANO, ELE FUNDOU A SELF REALIZATION FELLOWSHIP, COM A FINALIDADE DE DISSEMINAR POR TODO O MUNDO OS ENSINAMENTOS E PRÁTICAS ANCESTRAIS DA ÍNDIA, ESPECIALMENTE A KRIYA YOGA. EM 1925, ESTABELECEU, EM LOS ANGELES, A SEDE INTERNACIONAL DA SELF-REALIZATION FELLOWSHIP, QUE SE TORNOU O CORAÇÃO ADMINISTRATIVO E ESPIRITUAL DE SEU CRESCENTE TRABALHO. ESTE TRABALHO AINDA É REALIZADO POR VÁRIAS ORGANIZAÇÕES. A SELF REALIZATION FELLOWSHIP, FUNDADA POR YOGANANDA, POSSUI VÁRIOS CENTROS DE MEDITAÇÃO E TEMPLOS ESPALHADOS PELO MUNDO. ATUALMENTE, É PRESIDIDA POR SRI DAYA MATA, UMA DISCÍPULA DIRETA DE YOGANANDA. NO BRASIL, RECENTEMENTE FOI FUNDANDO O PRIMEIRO RETIRO OFICIAL DA SELF REALIZATION FELLOWSHIP, NA CIDADE DE NAVEGANTES, EM SANTA CATARINA. DOIS MONGES DA SELF REALIZATION FELLOWSHIP, SANTOSHANANDA E ABRÃO BRAMACHARIA VIERAM AO BRASIL INAUGURÁ-LO. O VIVER NATURAL FOI ATÉ SANTA CATARINA ENTREVISTAR O MONGE SANTOSHANANDA, QUE NOS FALOU SOBRE A KRIYA YOGA, SOBRE SEU AMADO GURU, PARAMAHANSA YOGANANDA E SEUS ENSINAMENTOS. SANTOSHANANDA NOS EXPLICOU QUE A KRIYA YOGA É UMA TÉCNICA CIENTÍFICA DE MEDITAÇÃO, E ATRAVÉS DE SUA CONSTANTE PRÁTICA, AJUDA A LIBERAR A ALMA, FAZENDO COM QUE O PRATICANTE ATINGA UM ESTADO SUPERIOR DE CONSCIÊNCIA, CHAMADO DE ILUMINAÇÃO. O MONGE SANTOSHANANDA TAMBÉM MENCIONOU QUE ATRAVÉS DA PRÁTICA DA KRIYA YOGA, O STRESS E A TENSÃO DE UMA PESSOA SÃO ALIVIADOS, HAVENDO TAMBÉM A MELHORA DA CIRCULAÇÃO DO SANGUE, ENTRE OUTROS BENEFÍCIOS. POR SER UMA TÉCNICA MUITO PODEROSA, A KRIYA YOGA REQUER UM PERÍODO DE PREPARAÇÃO DE UM ANO ANTES QUE O ASPIRANTE APRENDA E COMECE A PRATICAR A TÉCNICA DIARIAMENTE. SANTOSHANANDA NOS DISSE QUE A KRIYA YOGA DIRECIONA A MENTE E, CONSEQUENTEMENTE, A ENERGIA PARA PONTOS ESPECÍFICOS DA ESPINHA, DENOMINADOS CHAKRAS. ISSO FAZ COM QUE AS ENERGIAS NEGATIVAS QUE FICAM EM NOSSO CORPO SEJAM LITERALMENTE QUEIMADAS, MELHORANDO A VIDA DO PRATICANTE EM TODOS OS ASPECTOS.
Conheça o Programa
livre
VAMOS PEDALAR II

VAMOS PEDALAR II - 6

Nesse primeiro bloco fomos conversar com Lauro Chaman atleta medalhista paraolímpico na Rio 2016 onde fez história ao se tornar o primeiro atleta brasileiro do ciclismo a conquistar uma medalha. Na verdade, foram duas: um bronze no contrarrelógio e uma prata na estrada. Na matéria de manutenção, Mario Canna vai nos ensinar a lavar e lubrificar sua bike. Já no segundo bloco fomos um papo com o muralista Eduardo Kobra e saber sua relação com o ciclismo. E ainda fomos avaliar o modal que estamos usando para ter parâmetros para melhorar. Uma conversa com Rafael Calabria pesquisador de mobilidade urbana do Idec. No último bloco vamos bater um papo com Francisco Rodrigues, um apaixonado pela arte, surf e skate, e saber mais sobre a sua história.
Conheça o Programa
livre
SAUDE BRASIL

FISSURA LABIOPALATINA (LÁBIO LEPORINO)

Nesse educativo vamos conhecer um pouco mais sobre a Fissura Labiopalatina, popularmente conhecida como Lábio Leporino, uma malformação congênita de apresentação variável que ocorre durante o desenvolvimento do embrião. É uma doença de grande incidência e cada vez mais vem sendo diagnosticada.
Conheça o Programa
10
MISSA DE APARECIDA - MISSA DE APARECIDA - BLOCO ÚNICO.

10
VIOLA, MINHA VIOLA - ESPECIAIS 2017

LÉO CANHOTO E ROBERTINHO (VIOLA 2017)

Programa especial do Viola, Minha Viola com a apresentação de Adriana Farias que destaca algumas participações da dupla Léo Canhoto e Robertinho em épocas diferentes.
Conheça o Programa
livre
SR. BRASIL

SR. BRASIL 458

Conheça o Programa
livre
SAMBA NA GAMBOA IV

COCO É SAMBA

Ritmo tradicional pernambucano é um dos tesouros musicais brasileiro. A riqueza musical do Brasil é imensa e o coco é um dos nossos tesouros. Nesta semana, o Samba na Gamboa entra no compasso arretado do coco pernambucano, recebendo Silvério Pessoa e Herbert Lucena, dois representantes que mostram a nova cara desse ritmo tradicional que não deixa ninguém ficar parado. No repertório, sambas de coco de primeira qualidade como Sebastiana, Coco do M e Cabo Tenório.
Conheça o Programa
livre
CISNE NEGRO CIA. DE DANÇA - VEM DANÇAR

livre
INSPIRA BB - III

INSPIRA BB - III - PROGRAMA 7

livre
QUINTAL DA CULTURA V

QUINTAL DA CULTURA V - CABEÇA 1 - DOMINGO 16/07

QUINTAL DA CULTURA V - CABEÇA 1 - DOMINGO 16/07
Conheça o Programa
livre
O PEQUENO REINO DE BEN E HOLLY

O MALVADO BARRY

O Rei Thistle quer peixe para o jantar. O pai de Ben se prepara para guardar o barco para o inverso, mas o rei pede para que ele saia para pescar seu jantar. O sr. Duende conta a eles uma história sobre o maior e mais malvado dos peixes que existe, O Grande e Malvado Barry. O rei Thistle decide capturar Barry, mas as coisas não saem muito como o planejado.
Conheça o Programa
livre
QUINTAL DA CULTURA V

QUINTAL DA CULTURA V - CABEÇA 2 - DOMINGO 16/07

QUINTAL DA CULTURA V - CABEÇA 2 - DOMINGO 16/07
Conheça o Programa
livre
MORANGUINHO: AVENTURAS EM TUTTI FRUTTI - I

MORANGUINHO: AVENTURAS EM TUTTI FRUTTI - I - 21 - O GRANDE BAILE

Quando a cidade precisa de um local maior para o seu próximo baile, Ameixinha encontra uma árvore oca ideal para a ocasião. Mas ela fica irritada quando dois esquilos intrusos ficam interferindo em seus planos.
Conheça o Programa
livre
QUINTAL DA CULTURA V

QUINTAL DA CULTURA V - CABEÇA 3 - DOMINGO 16/07

QUINTAL DA CULTURA V - CABEÇA 3 - DOMINGO 16/07
Conheça o Programa
livre
TURMA DA MÔNICA

O ANEL DA CORAGEM

A Mônica não tem coragem de se declarar ao Ricardinho, o garoto mais fofo do bairro. Quando ela faz um pedido a uma fonte dos desejos, surge uma fadinha que a presenteia com um anel mágico. Mas será uma fada de verdade? Ou outro plano infalível do Cebolinha?
Conheça o Programa
livre
TURMA DA MÔNICA

O ASSASSINO

Era pra ser um simples jogo de cartas entre amigos, mas com essa turminha nada é tão simples assim. Depois da Mônica explicar as regras do jogo diversas vezes, eles embarcam numa aventura cheia de mistérios, drama, e muita trapalhada. Quem será que vai vencer essa batalha??
Conheça o Programa
livre
OSWALDO

MORTE DE PRINCIPIANTE

Neste episódio, Oswaldo deixa de lado seu dever de casa para uma partida do jogo Laser Tag, o Ceifador Cibernético. As coisas não saem muito bem para ele, e seu amigo Tobias acha que Oswaldo morreu. Oswaldo também acha que morreu e tenta assombrar seu amigo. Tudo se resolve quando a amiga deles, Leia percebe que eles estão enganados e ajuda Oswaldo na lição de casa.
Conheça o Programa
livre
PLANETORAMA

KDVC

Chegando a um novo planeta, onde não se ouve nada além de milhares de teclas sendo digitadas, nosso grupo terá que achar uma forma para que seus habitantes voltem a se comunicar pessoalmente através da fala, capacidade já esquecida neste planeta desde o tempo que foi implantado um sistema de comunicação por mensagens de texto. O que eles vão precisar é de um som emitido na língua original dos Katchengas (habitantes do planeta) para destravar um mecanismo ativado por voz na nave, que perdeu sua configuração original e tinha sido acidentalmente instalado no idioma Katchengueles.
Conheça o Programa
livre
D.P.A - DETETIVES DO PRÉDIO AZUL - I

RECICLAGEM

Quem separa o lixo? Quem não separa? Capim quer ganhar um dinheiro com reciclagem, mas tem alguém jogando lixo orgânico no lixo seco e estragando tudo. Quem será o porcalhão do prédio?
Conheça o Programa
livre
MELHORES CONTOS DE GRIMM E ANDERSEN II

A DONZELA MALVINA

Princesa Malvina está apaixonada pelo Conde Conrado. Mas ele não é um noivo adequado para uma princesa. O pai de Malvina, Senhor Theodoro, tem outros planos para ela: quer que ela se case com Alberto. Malvina resiste com toda sua força, de modo que seu pai a tranca em uma torre até que ela se esqueça de seu amado Conrado. Após sete anos, Malvina finalmente consegue remover as rochas da parede da torre para que possa escapar. Finalmente livre, ela percorre uma paisagem devastada pela guerra. Nem mesmo seu pai está vivo. Sozinha e em desespero, Malvina sai em busca de comida e de seu amado Conrado. Ele esperou por sua princesa por todos estes longos sete anos. Quando ele vai até a torre e percebe que está deserta, com túmulos em sua volta, ele acha que perdeu Malvina para sempre. A única coisa que pode salvá-lo da ruína é se casar com a rica Walpurga. Enquanto os preparativos do casamento estão em andamento Malvina exausta chega às terras de Conrado. Disfarçada como uma empregada doméstica ela ajuda nos preparativos. Enquanto isso Walpurga bola um plano diabólico ...
Conheça o Programa
livre
O COLORIDO MUNDO DE DALTON

O COLORIDO MUNDO - AS APARÊNCIAS ENGANAM

DALTON CONHECE QUATRO NOVOS AMIGOS. RITINHA E DALTON SE JUNTAM PARA BOICOTAR O PLANO DE TIA ESMERALDA.
Conheça o Programa
livre
O MUNDO DA GENTE

O MUNDO DA GENTE - JOGADORES

A série vai retratar o encontro e a interação de duas crianças de universos socioculturais e geográficos bastante distintos, mas que têm algo em comum; compartilham uma paixão, participam de alguma atividade similar ou portam características que as aproximam entre si e diferenciam das demais. Série que promove deslocamento de crianças de culturas distintas para se conhecerem. Em cada episódio uma criança se dirige ao universo de outra, totalmente diferente do seu. EP. 06 - "JOGADORES" Duas crianças, dois mundos diferentes. Mas será que são tão diferentes assim? Caique, 11 anos, mora no interior de São Paulo e Jefferson, 10 anos, mora no Rio de Janeiro.Os dois sonham em ser grandes jogadores de futebol. Eles se comunicam através de vídeos e mensagens, Caique convida Jefferson para conhecer sua cidade.Quando se encontram, Caique leva o novo amigo para o clube da Ponte Preta onde ele joga nas categorias de base do time. Eles jogam bastante juntos, trocam experiências e compartilham seus objetivos pro futuro.
Conheça o Programa
livre
BLOG DA MARI

BLOG DA MARI - 08 - PEIXE ELÉTRICO

Mari, Clara, Theo e Ana Clara encontram com a pesquisadora Renata Schimitt Espécies de peixes elétricos
Conheça o Programa
livre
VAMOS PEDALAR II

VAMOS PEDALAR II - 7

Nesse primeiro bloco fomos visitar algumas empresas para descobrir por que investir em mobilidade urbana. Na matéria de manutenção, Mario Canna vai nos falar como fazer uma regulagem rápida de freios tipo ferradura. Já no segundo bloco fomos fazer um a visita a Cardoso Cycles a menor fábrica de bicicletas do mundo, é como Denis Cardoso se auto denomina. Fomos conhecer a Carbono Zero Corier uma das pioneiras empresas de entregas via bikes e saber como é seu dia a dia. No último bloco vamos bater um papo com Daniel Zoia um dos atletas profissionais de Mountain bike da equipe Audax e saber mais sobre a sua história.
Conheça o Programa
livre
REPORTER ECO

REPÓRTER ECO 1210

NO REPÓRTER ECO DE HOJE , VOCÊ ACOMPANHA O TRABALHO DE UM DOS PIONEIROS EM FOTOGRAFIA DE NATUREZA NO BRASIL. CONHEÇA TAMBÉM DUAS FRUTAS , UMA NATIVA E OUTRA EXÓTICA, QUE SÃO ALIADAS DA SAÚDE. E AINDA , A VISÃO DO CÉU É CADA VEZ MAIS RARA NAS GRANDES CIDADES. UMA PESQUISADORA APLICA A MESMA TÉCNICA USADA PARA REGISTRAR AS CLAREIRAS DE CÉU EM SÃO PAULO PARA SABER QUANTA LUZ DO SOL AS PLANTAS RECEBEM. ESTUDO INICIAL MOSTRA QUE A JABUTICABA E O JAMBO AJUDAM A COMBATER A OBESIDADE E A PARTE DE MEMÓRIA. E ARAQUÉM ALCÂNTARA COMEMORA QUASE MEIO SÉCULO DE UMA CARREIRA DEDICADA PARA DOCUMENTAR OS POVOS, BIOMAS E PARQUES DO NOSSO PAÍS.
Conheça o Programa
n
VIDA

CAÇADORES E PRESAS

Todo dia, nas selvas, gramados, desertos e ermos congelados, batalhas são ganhas, travadas e perdidas entre carnívoros e suas presas. Veja guepardos unirem forças para derrubar uma avestruz; um arminho encarando um coelho de dez vezes o seu tamanho; filhotes de foca-elefante sendo levados de seus piscinões por orcas assassinas; a astúcia de um esquilo ao enganar uma cascavel; e a incríveis 2 mil quadros por segundo, o ataque de um morcego-buldogue voando a 100 quilômetros por hora.
Conheça o Programa
livre
TÁ CERTO?

TÁ CERTO? - 18

Warley recebe Geisinha, Dona Zilda e Dudu, que fazem muita trapalhada junto com Tosco e os Ursiversitários enquanto tentam acertar as respostas do game.
Conheça o Programa
livre
METROPOLIS

METRÓPOLIS 2018 - DOMINGO 300 - 11/02/2018

É CARNAVAL NO METRÓPOLIS DE DOMINGO. TEM MARIANA AYDAR, COM O BLOCO FORROZIN. A TRADICIONAL BANDA DO CANDINHO, QUE HÁ QUASE QUARENTA ANOS SAI NAS RUAS DE SÃO PAULO. O MUSICAL QUE RESGATA A HISTÓRIA DE CANDEIA, UM ÍCONE DO SAMBA. O NOVO PROJETO DE EMICIDA, HOMENAGEANDO CLEMENTINA DE JESUS. E TAMBÉM, A ARTE DA PERNAMBUCANA JOANA LIRA, A EXPOSIÇÃO EX AFRICA NO RIO DE JANEIRO, E UMA NOVA SÉRIE DE TV PRA VOCÊ NÃO PERDER.
Conheça o Programa
livre
CAMAROTE 21

CAMAROTE 21 - 84 - ESPECIAL DIVERSIDADE CULINÁRIA EM BERLIM - PARTE II (PODE SER REPRISADO)

Veja os destaques desta edição: - Koshary é um fast food egípcio, daquele que se encontra em cada esquina do país. A mistura de arroz, macarrão e lentilhas está na moda porque a receita original é vegana. - Segundo as estatísticas, Berlim reúne pessoas de 189 países. Entre elas, cerca de 1500 marroquinos - que têm a sua gastronomia representada pelo restaurante "Kasbah", onde é possível saborear o tradicional Tagine. - No restaurante de Gal Ben Moshe, pequenas obras de arte dão aos clientes uma mostra da gastronomia de Israel. Veja a preparação do prato "Rodovalho com Freekeh". - Misch Mash é um prato popular na Bulgária por ser bem fácil de cozinhar. E o nome já descreve o modo de preparo: simplesmente misturar todos os ingredientes numa frigideira. - Montenegro também tem um representante gastronômico em Berlim. No restaurante Lesendro, o chef Vladimir Kosic nos recebe com um típico Buzara. - No bairro Kreuzberg, famoso pela vida noturna, o japonês Yosuke Sumida faz sucesso com o restaurante Cocolo Ramen.
Conheça o Programa
livre
CARNAVAL DO RECIFE - 2018

CARNAVAL DO RECIFE - 2018 (DOMINGO, 11/02)

Conheça o Programa
livre
A EMBAIXATRIZ DO SAMBA

10
REPORTER ECO

REPÓRTER ECO 1210

NO REPÓRTER ECO DE HOJE , VOCÊ ACOMPANHA O TRABALHO DE UM DOS PIONEIROS EM FOTOGRAFIA DE NATUREZA NO BRASIL. CONHEÇA TAMBÉM DUAS FRUTAS , UMA NATIVA E OUTRA EXÓTICA, QUE SÃO ALIADAS DA SAÚDE. E AINDA , A VISÃO DO CÉU É CADA VEZ MAIS RARA NAS GRANDES CIDADES. UMA PESQUISADORA APLICA A MESMA TÉCNICA USADA PARA REGISTRAR AS CLAREIRAS DE CÉU EM SÃO PAULO PARA SABER QUANTA LUZ DO SOL AS PLANTAS RECEBEM. ESTUDO INICIAL MOSTRA QUE A JABUTICABA E O JAMBO AJUDAM A COMBATER A OBESIDADE E A PARTE DE MEMÓRIA. E ARAQUÉM ALCÂNTARA COMEMORA QUASE MEIO SÉCULO DE UMA CARREIRA DEDICADA PARA DOCUMENTAR OS POVOS, BIOMAS E PARQUES DO NOSSO PAÍS.
Conheça o Programa
n
LETRA LIVRE

LETRA LIVRE 15

Sinopse PGM 15 Convidados: Carlos Heitor Cony e Nuno Ramos Seguem os tópicos que foram desenvolvidos: As perguntas quando não mencionadas quem fez ou foi o Manuel (apresentador) ou a platéia: PERGUNTAS BLOCO 1 · Cony: depois de escrever Pilatos, vc ficou mais de 20 anos sem escrever. E vc Nuno, lançou seu primeiro livro, Cujo, em 93, quando já tinha mais de. O que desencadeia (ou interrompe) o processo da escrita? · PERGUNTA CRISTOVÃO TEZZA para CONY (relação literatura/jornalismo) · Nuno: Além de escritor e artista plástico, vc é ensaísta e crítico. Que relação há entre reflexão teórica e invenção? · Cony: Existe invenção sem reflexão sobre literatura? E a crítica literária conta na hora de escrever? PERGUNTAS BLOCO 2 · PERGUNTA CRISTOVÃO TEZZA para NUNO (relação arte/literatura) · Cony: fazendo um paralelo com a pergunta do Cristovão, no seu caso a filosofia parece ser um discurso fora da literatura com o qual vc dialoga. Já se disse que O Ventre é um romance existencialista e Informação ao crucificado ecoa a idéia de Nietzsche de que “Deus está morto”. O romance é uma forma de filosofia? · Nuno: vc é formado em filosofia; que papel teve a filosofia na sua formação artística? · Cony: vc é de uma geração em que os intelectuais tinham um papel público, tinham (ou pareciam ter) um poder de intervenção. Ao mesmo tempo vc ironizou isso em Pessach, a travessia. A figura do intelectual como consciência crítica de seu tempo é uma ilusão? O títulos Pilatos indica um gesto de lavar as mãos? · Nuno: o artista (ou o escritor) tem alguma possibilidade de intervir na realidade social? · Cony: pq a indenização que vc recebeu por ter sido perseguido pelo regime militar gerou polêmicas e protestos? PERGUNTAS BLOCO 3 · PERGUNTA MAURICIO SANTANA DIAS para CONY (Casa do Poeta Trágico) - emendar para Nuno: o crítico José Pasta escreve nas orelhas de Ó que o livro é uma “meditação sobre a ruína”. Que fascínio é esse que os escombros exercem sobre vocês? · Nuno: Assim como o Cony tem livros memorialísticos, como Informação ao crucificado e Quase memória, vc começou a escrever a partir de sua experiência no ateliê. A vivência é fundamental ou a poesia é “coisa mental”, como dizia Leonardo da Vinci? · Cony: de que maneira a experiência no seminário marcou sua obra? · Nuno: futebol e música popular, temas de alguns dos textos de Ensaio Geral, são as melhores traduções da realidade brasileira? · Cony: ao escrever vc se preocupa em retratar o Brasil de hoje? · Nuno: o tema de identidade brasileira, tão presente na reflexão sobre a arte no Brasil, ainda faz sentido? PERGUNTAS BLOCO 4 · PERGUNTA MAURICIO SANTANA DIAS para NUNO (poesia sem versos) · emendar na pergunta gravada: Nuno, seus livros parecem mesmo estar numa zona de indefinição: Cujo e o recente Ó são livros de ficção, com minicontos, ou são poesia em prosa? · Cony: o romance é o melhor gênero para representar e discutir a realidade? · Nuno: o poeta João Bandeira me disse que vc tem poemas de juventude publicados numa revista literária; vc pretende publicá-los em livro?
Conheça o Programa
livre