Fundação Padre Anchieta

Custeada por dotações orçamentárias legalmente estabelecidas e recursos próprios obtidos junto à iniciativa privada, a Fundação Padre Anchieta mantém uma emissora de televisão de sinal aberto, a TV Cultura; uma emissora de TV a cabo por assinatura, a TV Rá-Tim-Bum; e duas emissoras de rádio: a Cultura AM e a Cultura FM.

CENTRO PAULISTA DE RÁDIO E TV EDUCATIVAS

Rua Cenno Sbrighi, 378 - Caixa Postal 66.028 CEP 05036-900
São Paulo/SP - Tel: (11) 2182.3000

Televisão

Rádio

Grade de Programação

Domingo, 07 de Outubro

ABERTURA DA EMISSORA

VIVER NATURAL

VIVER NATURAL 02 - TÉCNICAS DE MEDITAÇÃO

Prof.Ricardo Cneio Alves e Dr. Roberto falam sobre as técnicas de meditação e seus benefícios, principalmente utilizadas em mulheres grávidas.
Conheça o Programa
livre
VIA LEGAL

VIA LEGAL 810

Retirar areia da praia para uso particular é crime. E a extração ilegal é mais comum do que se pensa. No sul do país, um homem foi denunciado por retirar areia de forma ilegal numa área de dois hectares da praia de Cidreira, no litoral norte do RS. Ele foi condenado por exploração de recursos minerais e terá que pagar R$ 130 mil reais. A violência urbana deixa traumas psicológicos. E quem passa por esses momentos de terror, nem sempre consegue superar. Em Pernambuco, uma costureira entrou na Justiça com um pedido de indenização depois de ter sido vítima de um assalto dentro de uma agência bancária. Ela foi atingida por um tiro. O Tribunal Regional Federal da 5ª Região aumentou o pagamento da indenização definida em primeira instância, já que o fato era grave e houve trauma psicológico. Quase 60 anos depois da chegada da primeira máquina de tatuagem ao Brasil, o preconceito contra os desenhos e pinturas no corpo, diminuiu, mas não acabou. No Rio de Janeiro, um candidato teve que entrar com um processo para garantir a participação dele em um concurso público da Marinha e ele conseguiu. A decisão da Justiça levou em consideração a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal que considerou inconstitucional proibir tatuagens a candidatos a cargos públicos. Emissoras de televisão não podem aumentar o volume do áudio quando entra o intervalo comercial. A prática é considerada ilícita e abusiva e foi denunciada pelo Ministério Público que entrou com ação civil na Justiça Federal. O Tribunal Regional Federal da 3ª Região deu prazo para que a União fiscalize as emissoras de radiodifusão que utilizam esse recurso para chamar a atenção dos telespectadores para anúncios publicitários. A possibilidade de pagar menos impostos e juntar todas as guias em uma só, atrai micro e pequenos empresários para o Super Simples. Um regime de tributação que tem um cálculo de impostos diferenciado. Mas é preciso cuidado para não ser excluído do programa por problemas antigos da empresa, ou dos sócios. No Tribunal Regional Federal da 1ª Região, uma empresária não conseguiu comprovar que se desligou de outra empresa e por isso teve que arcar com os impostos
Conheça o Programa
livre
ES RURAL

ES RURAL - 04

O ES Rural desta semana te leva para um passeio por duas cidades do Espírito Santo: Guarapari e Anchieta. Conhecida como “Cidade Saúde”, Guarapari guarda um mistério: areias com poder terapêutico de cura. Já Anchieta, no litoral sul capixaba, é considerado um santuário de fé e de belezas naturais. O local foi escolhido por São José de Anchieta para passar os últimos anos de vida.
livre
VAMOS PEDALAR IV

VAMOS PEDALAR IV - 05

VAMOS PEDALAR É UM PROGRAMA DEDICADO AO CICLISMO, ABORDANDO REPORTAGENS E MATÉRIAS SOBRE SUAS DIVERSAS CATEGORIAS E INCENTIVANDO O USO DA BICICLETA COMO UM MEIO DE TRANSPORTE, COM TESTES DE DESEMPENHO, AVALIAÇÕES DE ESPECIALISTAS, LANÇAMENTOS, DICAS DE CICLOVIAS E ASSUNTOS AFINS.
Conheça o Programa
livre
SAUDE BRASIL

ATUAÇÃO DO FARMACÊUTICO NO TRATAMENTO DO CÂNCER

Cada vez mais a ciência avança e desenvolve medicamentos que tem contribuído para a garantia e promoção da saúde. Para se desenvolver um medicamento pesquisa-se anos e são utilizados diversos testes a fim de garantir a sua segurança e eficácia. Mas apesar de todas as pesquisas e testes alguns medicamentos quando estão no mercado podem apresentar efeitos colaterais prejudiciais a população em geral ou a públicos específicos. Por isso, para garantir a segurança na utilização destes produtos foi criado o conceito de Farmacovigilância. O principal objetivo da farmacovigilância é fazer a monitoração dos medicamentos que estão no mercado relatando as reações adversas dos produtos.
Conheça o Programa
livre
MISSA DE APARECIDA - MISSA DE APARECIDA - BLOCO ÚNICO.

livre
VIOLA, MINHA VIOLA 2018

RAÍZES (VIOLA 2018)

Programa especial do Viola, Minha Viola com a apresentação de Adriana Farias que destaca as relíquias do acervo do programa. Participam deste Viola:Zé do Rancho e Zé do Pinho, Jacó e Jacozinho, Industrial e Fazendeiro,Duo Guarujá, Deive e Dalva,Nonô e Naná e Conjunto Terra Molhada, Mogiano e Mogianinho, Galã e Granfino, Nestor e Nestorzinho, Juraci e Marcito, Duo Ciriema, Teodoro e Sampaio, Silveira e Silveirinha, Eli Silva e Zé Goiano, Zé Garoto e Timboré.
Conheça o Programa
livre
VIOLA, MINHA VIOLA 2018

RAÍZES (VIOLA 2018)

Programa especial do Viola, Minha Viola com a apresentação de Adriana Farias que destaca as relíquias do acervo do programa. Participam deste Viola:Zé do Rancho e Zé do Pinho, Jacó e Jacozinho, Industrial e Fazendeiro,Duo Guarujá, Deive e Dalva,Nonô e Naná e Conjunto Terra Molhada, Mogiano e Mogianinho, Galã e Granfino, Nestor e Nestorzinho, Juraci e Marcito, Duo Ciriema, Teodoro e Sampaio, Silveira e Silveirinha, Eli Silva e Zé Goiano, Zé Garoto e Timboré.
Conheça o Programa
livre
SR. BRASIL

SR. BRASIL 512

Conheça o Programa
livre
TRAJETÓRIAS

ÂNGELA MARIA

livre
TRAJETÓRIAS

ÂNGELA MARIA

livre
TRAJETÓRIAS

ÂNGELA MARIA

livre
PRELÚDIO

PRELÚDIO 2018 - 3ª ELIMINATÓRIA (2ª FASE)

Conheça o Programa
livre
PRELÚDIO

PRELÚDIO 2018 - 3ª ELIMINATÓRIA (2ª FASE)

Conheça o Programa
livre
MINIDOCS - SHOWS

2 TEMPOS DE UM LUGAR

Conheça o Programa
livre
MORANGUINHO: AVENTURAS EM TUTTI FRUTTI - II

MORANGUINHO: AVENTURAS EM TUTTI FRUTTI - II - 7 - UMA TREMENDA CONFUSÃO

Amora Linda escuta Moranguinho falando sobre um maravilhoso hotel em uma ilha tropical e acredita que sua amiga está preparando uma viagem surpresa para todas elas. Amora Linda faz suas amigas prometerem segredo até que Moranguinho revele a grande surpresa. Infelizmente, não era uma viagem, mas sim um concurso de redação em que Moranguinho estava trabalhando. Não querendo desapontar suas amigas, Amora Linda tenta manter as esperanças de suas amigas, sem admitir seu erro.
Conheça o Programa
livre
COCORICÓ III

COCORICÓ III - 178 - ANIVERSÁRIO SURPRESA PARA MARTELO

A TURMA ESTA PREPARANDO UM ANIVERSÁRIO SURPRESA PARA O SAPO MARTELO. DITO E FEITO DESCOBREM E CONTAM PARA OS PATOS. MALDOSOS, PATA VINA E PATO TORQUATO ENCONTRAM UMA FORMA DE ESTRAGAR A SURPRESA. MESMO ASSIM, NO FINAL, A AMIZADE, O AMOR E A COOPERAÇÃO VENCEM.
Conheça o Programa
livre
TURMA DA MÔNICA

QUEM FOI QUE FEZ PIPI AQUI

Magali quer passar uma gostosa tarde no sofá, com gibis e biscoitinhos de mel, até perceber um cheirinho de xixi na almofada. O gatinho Mingau andou aprontando! Nada que ela tente para limpar a almofada, funciona. Como se livrar do cheiro terrível?
Conheça o Programa
livre
TURMA DA MÔNICA

REI POR UM DIA

Todos sabem que quando o rei chega, devemos sempre reverenciá-lo e nos curvar, mas a nossa querida Mônica não esta nem aí para isso. Principalmente quando o rei é, para a nossa surpresa, o Cebolinha. Será que ele vai conseguir reinar por muito tempo, ou esse é só mais um dos seus planos infalíveis?
Conheça o Programa
livre
QUINTAL DA CULTURA V

QUINTAL DA CULTURA V - HISTÓRIAS OFÉLIA 01 - OFÉLIA CHEGOU

QUINTAL DA CULTURA V - Histórias Ofélia PGM 01 Ofélia Chegou! Uma nova personagem chega ao Quintal para brincar com Doroteia e Ludovico. Quem será ela?!
Conheça o Programa
livre
QUINTAL DA CULTURA V

QUINTAL DA CULTURA V - HISTÓRIAS OFÉLIA 02 - DUAS BICUDAS SE BEIJAM SIM

QUINTAL DA CULTURA V - Histórias Ofélia PGM 02 Duas Bicudas Se Beijam Sim Ofélia, impulsiva, vai regar as plantas mesmo após Ludovico dizer que com o sol quente não é bom. Ela, sem querer, molha a casa da Minhoquias; as duas se estranham, discutem, mas, depois, ficam amigas.
Conheça o Programa
livre
QUINTAL DA CULTURA V

QUINTAL DA CULTURA V - HISTÓRIAS OFÉLIA 04 - TODOS PREFEREM OFELIA

QUINTAL DA CULTURA V - Histórias Ofélia PGM 04 Todos preferem Ofélia Osório começa a se sentir rejeitado por Doroteia e Ludovico, pois os irmãos estão dando mais atenção para Ofélia do que pra ele.
Conheça o Programa
livre
QUINTAL DA CULTURA V

QUINTAL DA CULTURA V - HISTÓRIAS OFÉLIA 05 - FANTÁSTICA OFÉLIA

QUINTAL DA CULTURA V - Histórias Ofélia PGM 05 Fantástica Ofélia A vilã Minhomente desenvolveu uma nova arma para dominar os quintais de todo o mundo. Será que a Liga dos Super-Heróis do Quintal vai conseguir impedi-la dessa vez?
Conheça o Programa
livre
BOBOLÂNDIA MONSTROLÂNDIA

F.O.F.O.C.A.

Franco leva para a aula de biologia uma F.O.F.O.C.A, uma espécie de fungo que aumenta de tamanho e contamina todos quando fazem fofoca perto dela. A cidade está um caos e Otto precisa arrumar essa confusão
Conheça o Programa
livre
OSWALDO

FEIRA DE SCI-FI

Mais uma vez Oswaldo e Tobias esquecem as responsabilidades educacionais e não realizam o projeto para a feira de ciências, ou melhor, ficção cientifica. Graças a Léia mesmo após avisar que não formaria parte do grupo dos dois alunos, não tão aplicados, entrega a eles um pote com um broto do feijão no algodão, não vale 10, mas ela fica com a consciência tranquila. Será que esse broto salvará a humanidade dos exterminadores robôs?
Conheça o Programa
livre
PLANETORAMA

PIRATAS

Numa das paradas para um rápido lanche, nossos amigos são roubados por uma corja de piratas espaciais, e junto com os bens surrupiados, nosso querido elefante é levado como escravo e mascote. Ulisses acaba se identificando e se transformando num pirata muito mal humorado. Neste meio tempo, Musco e Pudim conseguem se incluir no grupo dos Caçadores de Piratas Espaciais para ir resgatar seu amigo.
Conheça o Programa
livre
LARVA -TEMPORADA 2

LARVA II - PGM 05 ESPIRRO

A primavera e a gangue são cercadas por pólen de dente-de-leão, o que faz com que todo inseto espirre, exceto Yellow.
Conheça o Programa
livre
REPÓRTER RÁ TEEN BUM

REPÓRTER RÁ TEEN BUM 29 - SEGUNDA TEMPORADA

É o primeiro programa de notícias totalmente dedicado a crianças e adolescentes, integra uma rede internacional de notícias presente em 16 países. Apresentados pela âncora teen Nathália Falcão, o programa aborda comportamento, política, atualidades e muitos outros assuntos de forma inovadora e revolucionária trazidos pelas próprias crianças e adolescentes. Matéria 1 (Head Line) Teatro Heróis à Vista 2584E000099 “Gira, girou” (What's UP) Depoimento sobre Bullying 2584E000066 aos 19'13 "Você viu? (Short News) Supera Neuroeducação - ID 2584B000163 “É nóis!” (Teen Report)Dublagem 2584E000100
Conheça o Programa
livre
DE OLHO NO VOTO 2018

DE OLHO NO VOTO 2018 - 1º TURNO

livre
CAFÉ FILOSÓFICO 2018

KAFKA - O MAL-ESTAR COMO CULTURA ONTEM E HOJE

Série As metamorfoses da banalidade do mal Curadoria - Flávio Ricardo Vassoler Mesmo após as experiências históricas do totalitarismo e do holocausto, nossa época ainda dá vazão ao recrudescimento da personalidade autoritária e a tendências neofascistas. E também, apesar dos avanços e descobertas técnico-científicos ainda convivemos com a disseminação em massa de males como a depressão. Esta série reflete sobre “as metamorfoses da banalidade do mal”, através dos pensadores: Dostoiévski, Freud e Kafka para buscar traçar um diagnóstico de época que procure as raízes da sociopatologia de nossa vida cotidiana. PGM 19 Kafka: o mal-estar como cultura ontem e hoje com Márcio Seligmann Silva, filósofo “Há esperança suficiente, esperança infinita - mas não para nós”, sentencia o escritor Franz Kafka. Seu universo traz a agonia das situações que nos oprimem e que não controlamos... traz o embate inútil com leis e acasos que nos escapam absolutamente. E assim o autor tcheco nos mostra o quanto é impossível compreender e dimensionar a complexa engrenagem de poder e vigilância que nos oprime - e da qual ao mesmo tempo dependemos. Na literatura de Kafka, há muito da psicanálise de seu contemporâneo Freud. Os seres kafkanianos padecem do mal-estar na civilização. “Há esperança, mas não para nós... “
Conheça o Programa
14
PERSONA EM FOCO

TONIA CARRERO - IN MEMORIAN

Conheça o Programa
14
JAZZ SINFÔNICA BRASIL  2018

JAZZ SINFÔNICA BRASIL 2018 - 04

Conheça o Programa
14
FUTURANDO

FUTURANDO - 111

Confira os destaques desta edição: - Corte controlado de madeira mantém floresta de pé! Floresta Nacional do Jamari, em Rondônia, foi a primeira no país a ser concedida à iniciativa privada. Em dez anos de manejo florestal, mata conserva sua estrutura e pode servir de modelo no país. - Por que a terra é marrom? O solo pode ter diversos tons de marrom e até vermelho. Isso de acordo com os nutrientes dele. Entenda no vídeo. - ONG luta para proteger espécie de sagui. Um dos menores primatas do mundo, o sagui-cabeça-de-algodão está ameaçado pela perda de habitat. - Parque na Índia tenta criar elefantes independentes. O Parque Nacional Kaziranga, em Assam, na Índia, é casa de diversas espécies de animais selvagens. Os filhotes de elefantes têm tratamento especial e usam até pijama a noite. - Por que pinguins vivem na Antártida e ursos polares no Ártico? Saiba como a evolução acabou separando esses dois animais de clima frio.
Conheça o Programa
livre
FIGURAS DA DANÇA 2014

MARA BORBA

Mara Borba é uma artista sensível. Como bailarina usa a dramaticidade para dar corpo às interpretações e tem sua carreira marcada por seu trabalho como coreógrafa. Nos anos 80 foi bailarina do Balé da Cidade de São Paulo, onde também coreografou. Na década de 90 dançou no Deutscher Nationaltheater, em Weimar, Alemanha. Voltou ao Brasil em 2002, e passou a se dedicar à criação de trabalhos de dança associados a terapias corporais. Mudou-se para Florianópolis, em 2006, onde continua sua carreira com intervenções artísticas, trabalhos de cunho social e de composição musical. Mara possui um olhar múltiplo para a arte.
Conheça o Programa
14
MANOS E MINAS III

HIRAN

Neste programa o Manos e Minas recebe Hiran. Representando a cena dos slams, Tayla Fernandes. Matérias: - Erick Jay foi acompanhar a final da terceira edição do Soco na Gangrena. - Nosso videorreporter Rodney Suguita foi conhecer o MUTIRÃO DE GRAFFITI, um projeto artístico que transformou uma rua em uma verdadeira galeria de arte a céu aberto. - fomos acompanhar o MUSICASA, festival de música com jovens da Fundação Cas.
Conheça o Programa
livre
MATÉRIA DE CAPA

MATÉRIA DE CAPA 297 - ESPERANÇA E MEDO

A INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL VAI PROVOCAR UMA REVOLUÇÃO MAIOR DO QUE A INTERNET, ALTERANDO O MODO COMO VIVEMOS E LEVANDO A PROFUNDAS MUDANÇAS NA SOCIEDADE. MAS, AO MESMO TEMPO EM QUE DESPERTA ESPERANÇAS, TAMBÉM PROVOCA MEDO. O PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO BRITÂNICA DE CIÊNCIAS ALERTA: SE NÃO HOUVER MAIOR TRANSPARÊNCIA, MUITOS ESTUDOS SERÃO INTERROMPIDOS, DIANTE DOS RISCOS A SEREM CRIADOS. EXEMPLO: CHIPS INSTALADOS NO CÉREBRO VÃO PERMITIR A CURA OU ALÍVIO DE INÚMERAS DOENÇAS. MAS ABREM CAMINHO PARA QUE HACKERS ENTREM NO SISTEMA E PROVOQUEM DISTÚRBIOS E ALUCINAÇÕES NAS PESSOAS QUE RECEBEREM OS IMPLANTES. OUTRA PREOCUPAÇÃO DOS CIENTISTAS: O GRAU DE AUTONOMIA DOS ROBÔS QUE, NO FUTURO, PODEM VIR A SER TREINADOS PARA MATAR E UTILIZADOS EM AÇÕES TERRORISTAS. NESTA EDIÇÃO DO MATÉRIA DE CAPA FAREMOS UMA INCURSÃO PELO MUNDO DA INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL. NESTA EDIÇÃO DO MATÉRIA DE CAPA.
Conheça o Programa
livre
ORDEM DO DIA II

ORDEM DO DIA II - 08 - E-ESPORTE

Conheça o Programa
livre
REPORTER ECO

REPÓRTER ECO 1254

NO REPÓRTER ECO DE HOJE , CONHEÇA OS GUARDIÕES ORGÂNICOS QUE CULTIVAM ALIMENTOS SAUDÁVEIS, LIVRES DE AGROTÓXICOS. VOCÊ ACOMPANHA TAMBÉM A PESQUISA QUE MOSTRA COMO FOI A DISTRIBUIÇÃO DAS CHUVAS NO BRASIL NOS ÚLTIMOS 2 MIL ANOS. E AINDA , OS NOVOS CONCEITOS DE ECONOMIA VOLTADOS PARA A PRESERVAÇÃO AMBIENTAL . A ECONOMIA COMPARTILHADA E A CIRCULAR SÃO ALIADAS DO DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL, COM MENOR CONSUMO E MAIOR REAPROVEITAMENTO DO QUE É PRODUZIDO. ESTUDO INTERNACIONAL COMPROVA PELA PRIMEIRA VEZ QUE AS MUDANÇAS CLIMÁTICAS NO HEMISFÉRIO NORTE AFETARAM AS CHUVAS NA AMÉRICA DO SUL. E NOVO LIVRO APRESENTA OS PRODUTORES PAULISTAS QUE INVESTEM EM AGRICULTURA ORGÂNICA.
Conheça o Programa
n
DOC TV II

MAESTRO JORGE ANTUNES (DF)

Durante o regime militar, enquanto diretor do Curso de Composição Musical da Universidade de Brasília, Jorge Antunes desenvolveu intensa atividade cultural e política em Brasília junto a movimentos populares e intelectuais de redemocratização no país. Foi com a “Sinfonia das Buzinas” e o polêmico “Hino Nacional Alternativo” que ele pôde levar sua arte às ruas. É nesse contexto de criação, arte e política que o documentário Maestro Jorge Antunes – polêmica e modernidade se desenvolve. O filme, do cineasta Carlos Del Pino, conta a história deste grande músico através de narrações próprias, onde Jorge Antunes fala de seu passado, de suas reações, de ativismo político, memórias e esquecimentos. A dimensão de sua obra poderá ser compreendida de forma mais abrangente, uma vez que o documentário apresenta junto aos fatos, os posicionamentos, os conceitos e as idéias que norteiam o artista. Também estão presentes depoimentos de colegas, alunos e ex-alunos da Universidade de Brasília; e personalidades do mundo artístico dão o tom de seu reconhecimento.
Conheça o Programa
12
LETRA LIVRE

LETRA LIVRE 16

Sinopse PGM 16 (no ar: 09/04/2009) Convidados: Lygia Fagundes Telles e Marcelino Freire Seguem os tópicos que foram desenvolvidos: As perguntas quando não mencionadas quem fez ou foi o Manuel (apresentador) ou a platéia: PERGUNTAS BLOCO 1 • Lygia: Você é autora de romances e contos fundamentais na prosa brasileira, mas nos últimos anos vem publicando livros de crônicas e contos que partem de lembranças e fatos autobiográficos, como Invenção e Memória e Conspiração de Nuvens. Para abordar esse assunto, eu queria chamar uma pergunta feita para você pela escritora Ivana Arruda Leite. Vamos ouvir a pergunta. • Ivana Arruda Leite para Lygia (escrita autobiográfica) Lygia, minha estrela guia, minha meta na vida, como escritora e como mulher. Eu to escrevendo um romance atualmente bastante autobiográfico mas de coisas que aconteceram há muito tempo atrás. E to conseguindo ate me divertir muito com coisas tristézimas e duríssimas de serem vividas, na época. Me diz é sempre assim, a gente só consegue escrever depois que a ferida cicatriza?? • Marcelino: Como você trabalha sua experiência pessoal na ficção? A atenção que dá a aos excluídos, retirantes, empregadas domésticas, é um a questão de compromisso ético ou tem que ver com experiência pessoal? • Lygia: Seus principais romances – Ciranda de Pedra e As Meninas – parecem descrever a saída de um mundo doméstico, protegido pelo jardim da casa paterna, para aos perigos das ruas, para uma exposição ao sexo e às drogas. São romances geracionais? PERGUNTAS BLOCO 2 • Pergunta Fábio Lucas para Marcelino Freire (mini-conto) Marcelino, esta se tornandomoda na literatura brasielira a pratica do miniconto e ele é algo muito sumario. O conto tem uma tradição primeiro folhetinesca, baseado em aventuras e tinha um efeito final que era explosivo. Depois, qdo a ficção a consciência do narrador portanto aos conflitos internos, íntimos, formou-se outro tipo de ficção da qual por exemplo faz parte a Lygia Fagundes Telles. Eu acho que o mini conto acabou se restringindo a jogos de palavras. Eu temo que esse gênero não consiga florescer doq eu já fez. Eu gostaria que vc comentasse esse tema para nos. O Mini conto. • Lygia: Seria correto dizer que seus romances são mais realistas, enquanto boa parte dos contos deriva para o fantástico ou para o alegórico (como “A Caçada”, em que a personagem penetra numa velha tapeçaria, ou “Seminário dos Ratos”, em que os roedores invadem uma cúpula de burocratas)? • Lygia: Como foi sua experiência de escrever o roteiro Capitu com Paulo Emilio Salles Gomes? Como vc lidou com a questão da traição da personagem de Dom Casmurro? PERGUNTAS BLOCO 3 • Pergunta Fábio Lucas para Lygia Fagundes Telles [inveja e ciúme] Lygia, Vc foi uma das primeiras escritoras brasileiras a usar o fluxo da consciência da mulher na ficção. Tematicamente, vc sempre explorou os desencontros da alma. E desses desencontros vc explorou tematicamente, principalmente o ciúme e a inveja. Eu gostaria que vc falasse dessa opção por essa temática. Perguntas de platéia PERGUNTAS BLOCO 4 Pergunta Ivana p/ Marcelino [pessimismo x alegria] Marcelino querido, se eu não te conhecesse e lesse os seus contos eu diria que se trata de uma pessoa muito seria, negativista, pessimista, revoltada com a vida. Um cara irado, nervoso. E eu tenho a felicidade de partilhar amizade com você e sei que não é nada disso. Um cara cheio de esperança , de alegria, que nos anima a todos, cheio de sonhos. Como vc faz e resolve esse descompasso?? • Lygia: Qual a diferença entre ser escritor debaixo de uma ditadura militar (como no caso de As Meninas, escrito no pior momento da repressão) e durante a democracia? Vc se considera uma escritora engajada? • Marcelino: A temática da violência, tão presente nos autores da chamada Geração 90, não contrasta com a euforia midiática dessa geração?
Conheça o Programa
livre